PARA REFLETIR

“Se você não pode ter o mundo a teus pés, lute para ter um grão de areia, deste mundo, em tuas mãos."

"Só não é quem nunca tentou ser.
O que importa não é ser e sim tentar ser, pra quem sabe um dia ser.
E se não conseguir ser, ser feliz com o que conseguiu ser, mesmo sem ser o que sonha ser"







segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

ENLUARAVA


ENLUARAVA

      05/02/10

 

A lua cheia

Enluarava a madrugada.

A menina virgem,

Debruçada na janela

Perdia seu olhar

Em algum ponto dela.

A menina virgem olhava,

Viajava e nada encontrava.

Entristecia com a solidão

Que a envolvia.

Do outro lado da lua,

Ela não sabia,

Mas ele de muito longe

Com seu olhar apaixonante

Pra ela olhava e a namorava.

Ela sentia seu corpo envolvido

Por deliciosa sensação

Sem encontrar explicação,

Não imaginava ser os sintomas

Da sua primeira paixão.

 

Poema extraído do livro

Rosa Vermelha